Criação de sites Goiania
Falar conosco! site do whatsapp

4 Benefícios de possuir uma loja virtual

Nos últimos anos, o Brasil tem passado por verdadeiras revoluções digitais e até mesmo comerciais, um exemplo disso é a disseminação cada vez maior da estratégia da loja virtual.

De fato, nosso país é considerado conservador e demorou algum tempo até confiar na internet como meio de realizar compras, vendas e negociações a distância como um todo. 

Todavia, agora esse hábito parece já ter se consagrado de modo indiscutível.

Para confirmar isso, basta abrirmos um buscador como Google, Bing ou Yahoo e pesquisarmos por buffet completo para casamento

Em poucos segundos, os resultados aparecem na casa das centenas ou mesmo milhares de opções.

Além disso, há pesquisas que comprovam essa tendência de pesquisar e cotar serviços ou produtos pela internet. 

Por exemplo, uma das mais recentes foi realizada pelo próprio IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O que o relatório mostra é que depois da crise da pandemia iniciada em 2020, houve setores do comércio eletrônico que chegaram a crescer nada menos que 75%. 

A expectativa é que parte disso se retraia, mas ainda assim a curva de crescimento vai se manter.

Agora, imagine como uma empresa de avaliação de imóveis não pode se beneficiar de tudo isso, já que há segmentos que crescem por si só, mesmo fora da esfera digital, como o de casa e construção, o que multiplicaria suas oportunidades.

Aí é que entram os 4 benefícios de possuir uma loja virtual, como modo de aproveitar ao máximo possível essa fatia de um bolo que não para de crescer. 

Por isso decidimos escrever este texto, aprofundando o assunto e dando exemplos concretos.

De fato, muitos empresários e até gestores de marketing ouvem falar das vantagens que o mercado digital traz, mas não sabem por onde começar. Daí o problema de tratar do assunto sem trazer os devidos conceitos, ou de modo genérico.

Com exemplos práticos e com aprofundamento prévio em termos como “e-commerce”, “marketplace” e “loja virtual”, que no fundo são um pouco diferentes, ficará muito mais claro do que se trata esse universo de possibilidades, e como entendê-lo melhor.

Outro aspecto interessante é que hoje as lojas virtuais já evoluíram tanto, que podem ser aplicadas a qualquer ramo de vendas, seja para produtos populares de venda no varejo, ou mais técnicos e nichados, como desengraxante industrial.

Desta maneira, quem tem o interesse de compreender de uma vez por todas quais são os benefícios reais de entrar no comércio eletrônico, talvez como caminho para decidir marcar presença com sua própria marca, basta seguir até o fim da leitura.

As modalidades do e-commerce

Não há diferença entre o termo e-commerce e o termo comércio eletrônico, já que este segundo é apenas uma tradução livre do termo original em inglês, para o português.

Porém, o mesmo não se verifica quando falamos de loja virtual e de marketplace. No fundo, toda modalidade de venda pela internet é um tipo de comércio eletrônico, inclusive no sentido de que, fora essas duas, há muitas outras possíveis.

Assim, se um empresário lida com venda ou instalação de piso tátil concreto, ela pode recorrer a vários recursos digitais para comercializar sua solução, entre os quais:

Por exemplo, no caso dos buscadores, o que temos são abas que servem como um shopping, sendo o maior exemplo o próprio Google, que é o maior motor de busca do mundo.

No caso das redes sociais, ocorre que a maioria delas já tem uma plataforma de vendas interna, como uma lojinha que dá opções de pagamento e de frete já embutidas. 

Assim, o usuário compra com mais segurança, sem precisar sair da mídia em que está. 

Por fim, temos os marketplaces e as lojas virtuais, das quais mais falaremos aqui. 

No primeiro caso, o que temos são plataformas multimarcas, que funcionam como galerias em que várias lojas se instalam, podendo inclusive ser concorrentes diretas.

Assim é o marketplace, em que basta você fazer uma inscrição prévia para começar a criar seus anúncios e aparecer para os usuários daquela plataforma. Algumas cobram apenas uma comissão após a venda, outras exigem um investimento prévio para anunciar.

Por fim, temos as lojas virtuais, que são plataformas individuais de cada marca, como algo atrelado ao website ou ao blog principal da empresa.

Basta dizer isso para compreendermos melhor que ali a empresa é dona do seu próprio espaço, o que obviamente traz várias vantagens, como veremos a seguir.

1. O custo-benefício

Um dos benefícios que salta aos olhos quando falamos em loja virtual não tem a ver com as outras modalidades de e-commerce, como podem pensar alguns.

Na verdade, sua maior vantagem fica evidente quando comparamos essa alternativa com a das lojas físicas, que demandam um investimento enorme em termos de infraestrutura.

Afinal, no estabelecimento físico é preciso lidar com aluguéis, contas de água e luz, folha de pagamento geralmente maiores, IPTU e tantos outros gastos.

É claro que uma loja virtual não dispensa a necessidade de ter funcionários, ou de investir em alguma infraestrutura digital, como a da locação de servidores de hospedagem.

Contudo, se uma fábrica de moveis para consultório decide vender pela internet, em vez de montar uma loja e um showroom, evidentemente a primeira alternativa terá um custo-benefício muito mais interessante.

Do mesmo modo, a economia que se fez nesses termos pode ser revertida para estratégias de marketing, o que tende a impulsionar ainda mais a estratégia, gerando um círculo virtuoso de resultados e de crescimento sustentável.

2. O alcance ilimitado

Ao falar de uma loja de móveis, talvez não faça sentido mencionar a possibilidade de vender seus produtos para outros estados do país ou mesmo para outros países.

O mesmo vale para empresas que fornecem um serviço. Contudo, é preciso lembrar que muitos produtos permitem crescimento de venda em escala, de modo que outro benefício tremendo da loja virtual é seu alcance ilimitado.

Por exemplo, uma representante que simplesmente vende aparelho surdez, ou mesmo a fábrica que produz esses dispositivos.

Naturalmente, para ela é possível fazer parcerias com transportadores de qualquer lugar do mundo, despachando para um público que em princípio é ilimitado.

Portanto, a loja virtual permite que um negócio cresça em conformidade com o desejo dos seus donos e sócios, o que nem sempre ocorre na loja física, ou mesmo em marketplaces que podem limitar a atuação por nichos, setores e até distritos.

3. Suporte ao cliente

Nenhum empresário ou gestor pode ignorar a importância do suporte ao cliente. Sobretudo nesses tempos de redes sociais e de plataformas digitais que são focadas exclusivamente em pedir a opinião das pessoas sobre as compras que fazem.

Diante disto, precisamos observar que a loja virtual oferece uma vantagem incrível, que é a de dar um suporte muito melhor a cada visitante que entra na página.

A começar pelo fato de que ela fica no ar 24h por dia, sete dias da semana. Ao passo que uma venda presencial ou mesmo por telefone provavelmente estaria limitada ao horário comercial, e não atenderia aos feriados ou fins de semana.

Ademais, se o cliente quer tirar dúvidas simples sobre um balão personalizado, como valores, formas de pagamento ou prazo para despacho, já existem até chatbots que podem ajudá-lo.

Trata-se de robôs ou algoritmos que conversam com as pessoas automaticamente, sem a necessidade de interferência humana. O que, aliás, volta à questão da economia de gastos e da otimização da folha de pagamento.

Sem falar que o melhor suporte que se pode dar ao cliente talvez seja o da comodidade, que é justamente ele poder fazer a compra sem sair de casa, sem gastar com estacionamento ou se estressar no trânsito, e receber o produto no conforto do lar.

4. O mundo digital

Por fim, não é possível falar das vantagens da loja virtual sem mencionar os benefícios que o próprio mundo digital oferece a cada um que passa a fazer parte dele.

Por exemplo, a facilidade de gerar relatórios e métricas que ajudam a monitorar o comportamento do cliente. 

Com elas, você pode montar estratégias mais assertivas na hora de divulgar sua loja virtual, aumentando o tráfego da página e as chances de venda.

Outro exemplo é a chance de se promover sem custo, como nos buscadores, em que basta fazer SEO (Otimização para Motores de Busca) para aparecer com destaque, nisso que já é a maior vitrine do mundo.

Assim, quando o cliente em potencial pesquisar algo como CNH deficiente físico, sua página aparecerá nas primeiras posições, o que também potencializa incrivelmente o tráfego da página, a captação de leads e os resultados gerais.

Considerações gerais

Enfim, as lojas virtuais estão entre os maiores investimentos que uma marca pode fazer, especialmente para fortalecer-se no mercado e aumentar as vendas.

Com os conceitos básicos e os 4 benefícios fundamentais que descrevemos acima, fica muito mais fácil e mais seguro você entrar de cabeça nesse universo, extraindo dele os melhores resultados de curto, médio e longo prazo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Alguma duvida sobre os serviços ?

Para contratar nossa empresa , entre em contato conosco.

Fale Consoco
X